“Rose, a doméstica do Brasil” últimas sessões nos dias 13 e 14 de dezembro no Teatro Jaraguá

O ator e humorista mineiro Lindsay Paulino encerra a temporada da comédia Rose, a Doméstica do Brasil no dia 9 de novembro, noTeatro Jaraguá. As sessões acontecem dias 13 e 14 de dezembro, às 21h.

Rose é uma mulher simples e batalhadora, que enfrenta os problemas típicos de uma dona de casa no interior de Minas Gerais.

Além de trabalhar duro limpando o lar de outras famílias, ela precisa se preocupar com o marido, os filhos e a própria casa.  Ela ficou famosa depois de postar um vídeo na internet cantando “Grelo”, uma paródia da música “Halo”, da consagrada cantora pop norte-americana Beyoncé.

No espetáculo, Rose conta para o público aspectos de sua vida antes da fama, como a infância, suas desilusões amorosas, os filhos, um sonho com seu ídolo Amado Batista e sua rotina de trabalho.

A personagem surgiu quando Paulino fez um vídeo engraçado apenas para seus amigos, sem qualquer pretensão de ficar famoso. À medida que Rose ficava conhecida na internet, o ator criou mais vídeos, até que surgiu a oportunidade de levar esse sucesso ao teatro e à televisão, em séries como Treme Treme, do canal Multishow.  “Rose apresenta uma narrativa simples e descontraída, como se estivéssemos falando com uma velha conhecida que, entre uma espanada e outra, um sonho e outro, divide conosco o seu mundo”, diz Adriana Soares, diretora do espetáculo.

Ficha Técnica:
Produção: LP Produções. Produtor responsável: Pedro Reis. Texto e atuação: Lindsay Paulino. Direção: Adriana Soares. Cenário e luz:Diego Benicá. Designer de som: Sidnei Rodrigues. Técnicos de palco: Filipe Lourenço e Júnior Procópio. Figurino: Lindsay Paulino.Bonecos: Paulo Emílio Luz. Preparação Vocal: Beto Sorolli. Coreografias: Alberto Venceslau e Andressa Corso. Voz em off: Luiz Arthur.Trilha Sonora adaptada: Lindsay Paulino. Gravação, mixagem e masterização: Audioartte e Maria Tereza Costa. Backing vocal: Milene Vianna e Raissa Alves. Maquiagem: Rod Makeup. Projeção: Rafael Bastos. Fotografia: Hígor Almeida. Programação Visual: Daniel Augusto. Imagens: Self Produções. Cenotécnica: Companhia Cenográfica. Confecção de Figurino: Sisan Confecções. 


Serviço:
ROSE, A DOMÉSTICA DO BRASIL
Duração: 75 minutos
Classificação: 10 anos.
Ingressos: R$50 (inteira); R$25(meia-entrada).
Temporada: às quartas e quintas-feiras, às 21h
Até 14 de dezembro.
Venda pela internet: www.ingressorapido.com.br

Deixe uma resposta